18 setembro 2017

Profissionais da Educação são recebidos na ‘Biblioteca Viva de Marília’

Rosane Fagotti Voss, coordenadora do espaço, recepcionou a equipe e explicou o conceito que já está estabelecido em grandes centros urbanos, além de Garça e, agora, Marília

Incentivadores da leitura, principais interessadas em transmitir a importância do hábito às futuras gerações, professores coordenadores e equipe de supervisão de Emeis (Escolas Municipais de Educação Infantil) de Marília fizeram visita técnica à Biblioteca Municipal João Mesquita Valença, a “Biblioteca Viva” de Marília, instalada na rua São Luiz. O encontro aproxima ainda mais a rede municipal de ensino do espaço literário e de cultura.

Organizados em três grupos, os educadores foram recebidos pela coordenadora da biblioteca, Rosane Fagotti Voss. Ela relatou sua experiência de trabalho, que inclui a implantação de “bibliotecas vivas” em megacidades como São Paulo e também no Interior, em municípios como Garça.

A proposta busca oferecer ao leitor um espaço multifuncional, interativo, bem iluminado, com disposição de títulos de forma inteligente e localização estratégica. Em um “ambiente vivo”, moderno e acessível a todos, é possível atrair ainda mais leitores.

Os educadores conheceram os espaços e as diferentes propostas, apresentados por Rosane e sua equipe. O secretário municipal de Educação, professor Beto Cavallari, destacou a parceria.

“Esse olhar interinstitucional enriquece muito as experiências pedagógicas. Já temos levado as crianças à Biblioteca e estimulado a frequência. Com essa iniciativa, avançamos ainda mais nesse intercâmbio entre a escola, com sua estrutura interna, e as atrações que a cidade oferece”, destacou.

A educadora Maria Aparecida Pili, que integra a equipe de supervisão de Emei, destaca que a visita foi um momento de descoberta. “Pudemos apreciar e conhecer cada espaço, organizado com muito carinho. Estes ambientes têm proporcionado ricas experiências para toda população de Marília. Agora, os coordenadores, juntamente com seus professores, estarão ainda mais motivados a oportunizarem momentos de visitação da biblioteca, com as crianças”, disse 

O grupo, após a visitação e exploração do local, assistiu a uma apresentação da fisioterapeuta e coach Simone de Lima Primo. A profissional, que se declara “sonhadora confessa”, ministrou a palestra “A importância do sonhar”. 

“Sonhar enquanto dormimos é fundamental para nossa saúde, a medicina já descobriu isso há algum tempo, mas sonhar acordado também é fundamental para a saúde pessoal e coletiva. Nossos sonhos e desejos podem reverberar em todos, por exemplo, Mandala e Gandhi sonharam com liberdade para o seu povo, Santos Dumont sonhou em voar e por isso hoje somos beneficiados, Tomás Edson sonhou com a lâmpada elétrica, assim podemos perceber que o sonho de um pode interferir na realidade do outro”, ensina Simone.

A partir do trabalho de interação e formação dos educadores, a expectativa é que sejam ampliadas as visitas dos grupos escolares do município à Biblioteca Municipal João Mesquita Valença, a “Biblioteca Viva” de Marília. As EMEIs “Beija-Flor”, “Estrelinha Dourada” e “Primavera” foram as primeiras a agendarem suas visitas. 

SERVIÇOS

A biblioteca está instalada à rua São Luiz, 1.295, esquina com a rua São Carlos, no centro comercial de Marília. O horário de atendimento regular é de segunda a sexta-feira, das 09h às 18h. A partir de outubro, também funcionará no primeiro sábado de cada mês. O horário será das 09h às 13h. O telefone para mais informações é o (14) 3454-7434.

Texto: Carlos Rodrigues
Fotos: Júlio César de Carlis

Nenhum comentário:

Postar um comentário