20 janeiro 2013

Saiba mais sobre a nossa Secretaria de Educação

Foto: Wilson Ruiz
Fabiana Rodrigues Cruvinel, 32 anos, pedagoga e doutora em Educação. 
“A secretaria terá foco na valorização do professor e no plano de carreira. Também estudaremos a demanda por creches e berçários.” Fonte
Grupos de pesquisa em que atua
Implicações da perspectiva histórico-cultural para o ensino da leitura e da escrita

Repercussões dos trabalhos do grupo
O grupo de pesquisa Implicações da perspectiva histórico-cultural para o ensino da leitura e da escrita representa um esforço de pesquisadores e alunos de instituições federais e estaduais e professores de escolas municipais e particulares, para desenvolver, de forma contínua, investigações que representam reflexões essenciais ao cotidiano da sala de aula, especificamente ao que se refere ao ensino da leitura e da escrita. Os estudos do grupo baseiam-se na teoria da enunciação de Bakhtin e nos pressupostos sobre linguagem elaborados pela escola de Vigotsky.

Processos de leitura e de escrita: apropriação e objetivação

Repercussões dos trabalhos do grupo
Os estudos do grupo de pesquisa têm como foco o ensino da leitura e da escrita em ambientes escolares e sua articulação com as necessidades sociais. Para atender a esse objetivo, seus membros pesquisam sobre: (1) comportamentos históricos e atuais dos leitores em formação; (2) o impacto das novas tecnologias na formação de leitores e escritores; (3) as condutas dos educadores durante o processo de ensinar a ler e a escrever; (4) a ressignificação das práticas pedagógicas de leitura e escrita ; (5) os projetos didáticos de leitura e escrita na construção da aula; e (6) a formação da criança leitora e escritora dos diferentes gêneros textuais. As referências teóricas são a teoria da enunciação de Bakhtin e os pressupostos sobre linguagem elaborados pela escola de Vygotsky . O grupo têm atuado desde 1997, por meio de seus membros, na orientação de trabalhos monográficos de conclusão de curso, orientações de trabalho de iniciação científica, dissertações de mestrado e doutorado e ainda nas participações em exames gerais de qualificação e defesas de dissertações e teses. A partir de 2002 têm sido realizadas pesquisas financiadas pela FAPESP, FUNDUNESP, CNPQ, CAPES e intercâmbio internacional com a Universidade de Barcelona. Participações em congressos e s publicações tem disseminado resultados das pesquisas. Os membros do grupo de pesquisa têm ainda desenvolvido coletivamente projetos de intervenção junto a escolas públicas e atendido a convites para debates e cursos de formação de professores. O líder do grupo realizou estágio de pós-doutorado de setembro a dezembro de 2007 na universidade de Évora, em Portugal. Segundo estágio de pós-doutoramento do líder no Institut National de Recherche Pedagogique em Lyon França, entre 1o. de novembro a 21 de dezembro de 2010.

ALFALE - Alfabetização e Letramento Escolar

Repercussões dos trabalhos do grupo
O Grupo de pesquisa ALFALE "Alfabetização e Letramento Escolar" foi criado em 2001 com o objetivo de desenvolver atividades de pesquisa e de formação de acervo histórico na área de alfabetização, leitura e escrita. É ligado ao Núcleo de Pesquisa em Educação (NUPED e ao Programa de Pós-Graduação em Educação da UFMT, campus de Rondonópolis. Conta com professoras doutoras e mestres, com experiência em pesquisa nas áreas de Alfabetização, Linguagem, Oralidade, Leitura e Escrita e História da Educação, com alunas de graduação, de Iniciação Científica e de pós-graduação. Desenvolve a pesquisa interinstitucional "Cartilhas escolares: ideários, práticas pedagógicas e editoriais (1870-1997)" junto a pesquisadores de cinco outras Universidades: UFMG, UFPEL , UFES, UFF e UFAM. Essa pesquisa tem originado subprojetos, no nível de Iniciação Científica e projetos integrados, no nível da Pós-Graduação em Educação, voltados para a compreensão do fenômeno da alfabetização e do letramento no contexto brasileiro e, em especial, no contexto mato-grossense. Tais projetos têm apresentado vários desdobramentos, em termos de divulgação e publicações, destacando-se: a) FRADE, Isabel; MACIEL, Francisca (orgs.) História da Alfabetização: produção, difusão e circulação de livros (MG/RS/MT). Belo Horizonte: UFMG: Ceale, 2006; b)CARDOSO, Cancionila; AMÂNCIO, Lázara Nanci de Barros. A história de alfabetização em Mato Grosso: um balanço dos trabalhos do grupo de pesquisa ALFALE. IN: Schwartz, Cleonara; FRADE, Isabel; PERES, Eliane Terezinha (orgs). Estudos de história da alfabetização e da leitura na escola. Vitória, ES:EDUFES, 2010. Além do trabalho investigativo, o Grupo ALFALE tem desenvolvido um trabalho de reunião, seleção e catalogação de fontes históricas (dissertações e teses; cartilhas, livros didáticos, manuais de professor, compêndios e outros materiais) que compõem o Centro de Documentação do NUPED, com vistas à preservação da memória da escola em Mato Grosso.

Linhas de pesquisa em que atua
Alfabetização: questões históricas e contemporâneas
Objetivo
Contribuir para a compreensão do multifacetado fenômeno da alfabetização, como parte integrante de um processo histórico, político, pedagógico e social.

Ensino e aprendizagem da leitura e da escrita
Objetivo
Desenvolver pesquisas tendo como foco os processos de ensino e de aprendizagem da leitura e da escrita nas séries iniciais da educação básica.

Processos de leitura e de escrita: apropriação e objetivação
Objetivo
Investigar o movimento histórico da escrita em seus múltiplos suportes tecnológicos e seu impacto no desenvolvimento do comportamento e da formação dos leitores e de escritores, tanto em espaços escolares, de modo específico, como em espaços sociais. Fonte