07 novembro 2013

Educação municipal tem 2.435 inscritos. Classificação para matrícula sai dia 11

Educação municipal tem 2.435 inscritos. Classificação para matrícula sai dia 11
A secretaria Municipal da Educação encerrou nesta quarta-feira o período de inscrições de crianças fora da rede escolar para o ano letivo de 2014. No total, 2.435, sendo 776 na segunda-feira, 769 na terça e 890 nesta quarta-feira. Agora, haverá o processamento de acordo com os critérios estabelecidos pelo novo sistema de matrículas:
1º – Endereço residencial, tendo por base a área de abrangência da escola.
2º – Renda “per capita”- Essa será uma base fundamental para creches e berçários. As crianças com situação sócio-econômica menos favorável terá prioridade. 
3º Bolsa Família – A orientação do MEC (Ministério da Educação e Cultura) é incentivar os beneficiados por esse programa. 
4º- Irmão matriculado – Para os pais que tiverem um ou mais filhos naquela escola, nada mais justo que tenham prioridade de matrícula no mesmo estabelecimento. 
5º Mãe trabalhadora – para beneficiar a criança em período integral.
Para as escolas mais centrais, como “Monteiro Lobato” e “Chapeuzinho Vermelho”, além dos berçários, será adotado o critério do local de trabalho da mãe em relação ao estabelecimento.
Segundo a secretária Fabiana Cruvinel, nessa primeira etapa tudo transcorreu dentro do planejado, num clima de absoluta tranquilidade. Agora, no próximo dia 11, será divulgada a classificação dos inscritos com base nos critérios. As matrículas serão efetivadas pelos pais nos dias 12, 13 e 14.

“A lista de espera será coordenada pela Central de Vagas a partir de janeiro. Acaba a sistemática de ordem de chegada e filas diante das escolas. O maior desafio são vagas para creches e berçários. A demanda de 3,4 5 anos em período parcial será totalmente atendida como determina a legislação. De 0 a 2 anos não é obrigatória, mas o prefeito Vinícius priorizou o planejamento de oito creches na sua gestão, sendo que três estão em andamento. Por isso vai prevalecer mesmo o fator econômico-social”, explicou Fabiana.

O número de vagas disponíveis nas EMEIs (Escolas Municipal de Educação Infantil) é de 9.200, com a meta de se aumentar para 9.500.
Para a inscrição, os documentos necessários foram: Certidão de Nascimento, comprovante de renda, comprovante de residência, atestado de trabalho para período integral, cartão do Bolsa Família além de RG e CPF dos pais ou responsáveis. Fonte

Nenhum comentário:

Postar um comentário