08 março 2013

Carta aos adultos

Tumblr_miuee8klui1rmse6co1_500_large
Queridos adultos,

Sabe, eu estava pensando… sim, criança pensa e muito!

Os adultos esquecem que as crianças desde sempre estão pensando e aprendendo. Podemos aprender coisas do bem e do mal, mas nunca ficamos sem pensar e aprender.

Logo quando a gente nasce, não sei se lembram, a sensação é de estar entrando numa aventura cheia de possibilidades, obstáculos, enigmas e curiosidades. Me lembro que muitas sensações me invadiram sem pedir licença e de repente passei a sentir uma porção de coisas: sensações térmicas, cheiros, luzes, cores, vozes, incômodos, satisfações físicas e uma infinidade de novidades. Ali, naqueles primeiros dias de vida, cada momento era tanta informação… Rapidamente, além de viver intensamente todas essas sensações, comecei a prestar atenção em movimentos. Meu próprio corpo me fazia cada vez aprender mais…

Alguns adultos entendem que estamos aprendendo sempre, outros, ao contrário, não pensam desta maneira. Hoje tenho 6 anos, já aprendi muito,coisas que sei bem e outras que ainda estou pesquisando. Às vezes os adultos pensam que se estamos com saúde, se não ficamos resfriados ou se estamos bem fortinhos, significa que estamos bem e esquecem que nossa cabecinha também precisa de saúde. Se eu penso bem, aprendo bem tudo, se os adultos me explicam algo bem difícil, eu aprendo um pouco sobre aquele assunto, continuo querendo saber mais… Se o adulto tem paciência de ir me ensinando, rapidinho eu já fico sabido. O que estou falando não é só de coisas de escola, falo de aprender a andar de bicicleta, sobre o lixo do planeta, conhecer livros de história, aprender sobre os alimentos que são bons para minha saúde, falar no celular, jogar no computador, entender as estrelas do céu e mais um montão de coisas. Eu já sei, por exemplo, que o Sol é uma estrela, o meu pai me explicou, só que eu não entendi muito bem porque o Sol é tão diferente de outras estrelas, mas tudo bem, porque um dia eu aprendo.

Eu sempre sonho ou tenho pesadelos com monstros. Mas outro dia tive um sonho até engraçado: todo mundo via meus pensamentos e ficaram muito admirados de como eu pensava, de como tinha ideias, enfim, de como eu era inteligente. E sabe qual foi a minha ideia que mais chamou atenção dos adultos? Se todo mundo acreditasse que as crianças podem aprender sempre, o mundo seria bem melhor, cuidariam para não nos ensinar tantas bobagens e se preocupariam em nos ensinar muitas sabedorias. Fonte

Nenhum comentário:

Postar um comentário